Última hora

Última hora

Itália: Executivo de Monti tem 16 ministros

Em leitura:

Itália: Executivo de Monti tem 16 ministros

Tamanho do texto Aa Aa

Mario Monti tomou posse quarta-feira do cargo de primeiro-ministro de Itália e anunciou que será também ministro da Economia.

Monti foi escolhido no domingo pelo Presidente Giorgio Napolitano, para substituir Silvio Berlusconi, que apresentou a demissão dias depois de ter perdido a maioria no parlamento.

O novo governo italiano conta com 16 ministros, entre os quais Corrado Passera que assume a tutela do Desenvolvimento Económico, das Infraestruturas e dos Transportes.

Com 56 anos, Passera era presidente executivo do Intesa Sanpaolo, o segundo maior banco italiano, e segundo Monti tem “um longo historial de gestão com experiência no mundo industrial, nos serviços e no sector bancário”.

O novo ministro liderou ainda os correios italianos e trabalhou para o grupo Cir, de Carlo De Benedetti, grande rival de Silvio Berlusconi.

Corrado Passera defende a participação da banca nos assuntos económicos domésticos.

Monti pode ter de fazer passar no parlamento novas medidas de austeridade para atingir o objectivo orçamental a partir de 2013, como prometeu ao país, e deverá também proceder a uma reforma no mercado do trabalho e nos regimes de reformas, nomeadamente no que respeita à antiguidade, ou seja, depois de 40 anos de descontos.