Última hora

Última hora

Egito: Confrontos na praça Tahrir

Em leitura:

Egito: Confrontos na praça Tahrir

Tamanho do texto Aa Aa

A praça Tahrir, no Cairo, voltou a ser palco de violência este sábado.

Os confrontos eclodiram entre a polícia e manifestantes, depois de as forças da ordem terem desalojado um grupo de pessoas feridas durante a revolta do início do ano, que tinham ocupado uma parte da praça.

Com a intensificação dos confrontos, a polícia anti-motim utilizou gás lacrimogéneo para dispersar a multidão e foi atacada com todo o tipo de projéteis.

Segundo um responsável pela segurança, dezenas de pessoas ficaram ligeiramente feridas e muitas outras foram detidas.

O grupo que sitiou a praça durante vários dias reclamava um julgamento rápido para os polícias e os dirigentes responsáveis pela violência ocorrida durante o movimento de revolta, no qual morreram 850 pessoas e milhares ficaram feridas.

Estes acontecimentos na emblemática praça da capital do Egito ocorrem a cerca de dez dias das primeiras eleições democráticas da era pós Mubarak.