Última hora

Última hora

Governo interino no Egito é mantido pelos militares

Em leitura:

Governo interino no Egito é mantido pelos militares

Tamanho do texto Aa Aa

O Conselho supremo das forças armadas no Egito recusou a demissão do governo interino apresentada ontem depois dos violentos confrontos no Cairo.

Os atos de violência foram registados quando a polícia egípcia tentou desalojar manifestantes da praça Tahrir, durante um protesto iniciado na semana passada pela transferência do poder dos militares para os civis.

Os manifestantes pedem o fim do governo militar que se instalou desde a queda de Mubarak, principalmente a saída de Hussein Tantauí, ligado ao antigo regime e hoje chefe do Conselho Supremo das Forças Armadas do país.

De acordo com o Ministério da Saúde, os confrontos deixaram 33 mortos 1.750 feridos.