Última hora

Última hora

Junta Militar egípcia pronta a passar o poder

Em leitura:

Junta Militar egípcia pronta a passar o poder

Tamanho do texto Aa Aa

A junta militar no poder no Egito aceitou formar um governo de salvação nacional e marcar eleições presidenciais para junho, em resposta aos protestos que pedem uma transição democrática mais rápida.

O marechal Hussein Tantawi, líder da junta militar, diz que já várias vezes prometeu que “o exército não seria alternativa à legitimidade que o povo escolheu”. Disse ainda: “O exército não quer o poder e coloca os interesses do povo à frente de tudo. Está disposto a passar a responsabilidade já, se o povo assim quiser, através de um referendo”.

A já emblemática praça Tahrir, no Cairo, tem vindo a ser, há já vários dias, palco de grandes protestos e confrontos. O governo provisório foi obrigado a demitir-se no domingo, na sequência destas manifestações.

Foi neste mesmo local que, em janeiro do ano passado, mais de uma semana de manifestações ditaram o afastamento de Hosni Mubarak.