Última hora

Última hora

França: Confrontos atrasam partida de comboio nuclear

Em leitura:

França: Confrontos atrasam partida de comboio nuclear

Tamanho do texto Aa Aa

Em França, a passagem de um comboio com detritos nucleares, com destino à Alemanha, está a provocar confrontos. Esta manhã, a polícia usou gás lacrimogéneo para dispersar cerca de 400 manifestantes que ocuparam uma parte da via férrea, perto da zona de partida do comboio, na Normandia. Foram feitas cinco detenções.

As autoridades do departamento da Mancha proibiram os manifestantes de se aproximar da via férrea e ergueram várias barreiras. Mesmo assim, os ecologistas franceses e alemães fizeram questão de ocupar o local. A partida, prevista para o início da tarde, foi adiada por causa dos estragos causados na via.

O comboio, que contém materiais altamente radioativos, deve partir desta região no noroeste francês e atravessar o país em direção à Alemanha, mais propriamente a Gorleben, no norte do país, a pouco mais de 100 quilómetros de Hamburgo.

É o décimo segundo desta série de comboios, chamados Castor, que fazem parte de um contrato da empresa Areva com os parceiros alemães que devem tratar estes detritos.