Última hora

Última hora

Merkel critica projeto de euro-obrigações

Em leitura:

Merkel critica projeto de euro-obrigações

Tamanho do texto Aa Aa

A chanceler alemã não poupa críticas ao projeto da Comissão Europeia para a criação de euro-obrigações, classificando-o como “inquietante” e “desadequado”.

Durante um debate no Parlamento de Berlim, esta quarta-feira, Angela Merkel voltou a manifestar-se sobre a ideia de aumentar a capacidade de ação do Banco Central Europeu para comprar dívida soberana dos países da zona euro.

Na mesma linha, insistiu que a zona euro precisa de avançar para uma união fiscal que harmonize as políticas dos países envolvidos.

“Considero extraordinariamente inadequado que a Comissão Europeia se concentre em apresentar diferentes modelos de euro-obrigações, dando a impressão de que o fardo da dívida pode ser partilhado e de que podemos livrar-nos dos erros estruturais da moeda europeia. É precisamente isso que não vai funcionar”, disse Merkel.

As dúvidas em relação ao euro foram reacendidas. Esta manhã o Tesouro alemão conseguiu colocar apenas 60% das obrigações a 10 anos no mercado.

Arrecadaram-se apenas 3,64 mil milhões de euros, numa operação que pretendia conseguir seis mil milhões.