Última hora

Última hora

OCDE traça cenário negro para zona euro

Em leitura:

OCDE traça cenário negro para zona euro

Tamanho do texto Aa Aa

Sinal de alarme da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE). A instituição traça um cenário negro para a zona euro e revê em baixa as previsões de crescimento da economia mundial.

Com a zona euro em ligeira recessão, a OCDE alerta para os perigos do contágio da dívida soberana e a ameaça que representa para o eventual colapso do grupo.

Segundo a OCDE, a zona euro vai crescer 1,6% este ano e escassos 0,2% no próximo. No caso dos Estados Unidos, prevê-se um crescimento de 1,7% este ano e 2% em 2012. Mas a OCDE evoca também a necessidade de vencer o impasse para a redução do défice para não ameaçar a frágil retoma.

No caso da crise na Europa, a OCDE apela à intervenção do Banco Central Europeu para evitar o contágio e é a primeira instituição que evoca um eventual desmoronamento da zona euro. As consequências seriam devastadoras com a destruição de riquezas a nível mundial, levaria a uma depressão profunda dentro e fora da zona euro e a falências.

A organização está também preocupada com a elevada taxa de desemprego e repete o refrão: o desemprego a longo prazo está a generalizar-se.