Última hora

Última hora

Partido Liberdade e Justiça apoia Conselho Militar no Egito

Em leitura:

Partido Liberdade e Justiça apoia Conselho Militar no Egito

Tamanho do texto Aa Aa

As legislativas no Egito vão dar voz a movimentos silenciados durante o regime de Hosni Mubarak.

O recém-fundado Partido Liberdade e Justiça, braço político do grupo islamita dos Irmãos Muçulmanos é apontado como o grande favorito para vencer as eleições.

A Euronews falou com Mohamed El- Beltagi líder do partido.

Euronews: Qual a posição do PLJ – Partido Liberdade e Justiça – em relação aos coptas no Egito?

El- Beltagi: “Durante oito décadas, trabalhamos com os nossos irmãos coptas e parceiros da nação. As nossas posições são claras e conhecidas no que toca ao respeito pela liberdade de crença. As tentativas para usar os islamitas para espantar a democracia e impedir o processo democrático, enganaram infelizmente muita gente.”

Euronews: Mas são acusados de apoiarem o Conselho Militar?

Mohamed El- Beltagi: “a questão não é estar a favor ou contra o Conselho Militar. Se tomarem as decisões certas e responderem às reivindicações da revolução, não podemos fazer outra coisa senão apoiá-lo. Caso contrário, temos de confrontar o Conselho Militar e exercer pressão sobre ele.”

Em tempos de eleições, o braço político dos Irmãos Muçulmanos admite estar ao lado dos militares, muito contestados nas ruas do país.