Última hora

Última hora

Reino Unido: Centenas de milhares de funcionários públicos britânicos aderem à greve

Em leitura:

Reino Unido: Centenas de milhares de funcionários públicos britânicos aderem à greve

Tamanho do texto Aa Aa

Centenas de milhares de funcionários públicos britânicos aderiram à greve convocada pelos sindicatos da função pública esta quarta-feira.

Na origem do protesto, a reforma do sistema de pensões que vai obrigar os ingleses a trabalhar até aos 67 anos a partir de 2027.

Este pai de família diz que “se não protegemos agora o Estado-Providência e as pensões, os nossos filhos não terão qualquer pensão, nem no setor público, nem nos outros setores. Se não fazemos nada agora, não haverá nada para as próximas gerações”.

Para alguns manifestantes, as medidas tomadas no setor público vai estender-se ao privado, como defende uma jovem escocesa.

“O que este governo não está a dizer aos britânicos é que se as pensões do setor público forem cortadas, as entidades patronais farão o mesmo no privado. Todos os que trabalham merecem uma pensão justa. É isso que o governo devia compreender”.

Ao final do dia os sindicatos insistiram no facto de se tratar da maior mobilização dos últimos 30 anos. O primeiro-ministro David Cameron afirmou que a mobilização ficou muito aquém do que os sindicatos tinham anunciado.