Última hora

Última hora

Ataque racista faz dois mortos em Itália

Em leitura:

Ataque racista faz dois mortos em Itália

Tamanho do texto Aa Aa

A Itália viveu um banho de sangue, esta terça-feira, naquilo que se acredita ter sido um ataque racista.

Dois vendedores ambulantes, originários do Senegal, foram mortos e três outros ficaram gravemente feridos quando um homem abriu fogo em dois mercados no centro histórico de Florença e suicidou-se depois.

Gianluca Casseri, descrito como um homem solitário, era membro da associação política de extrema-direita Casa Pound e autor de livros de ficção científica.

As mortes provocaram de imediato uma onda de consternação, com uma manifestação espontânea de imigrantes africanos a que se juntaram alguns italianos.

Os ânimos exaltaram-se a determinada altura, com os manifestantes a derrubarem motos estacionadas e contentores de lixo. A multidão só se acalmou quando foi dada a notícia do suicídio do assassino.

O presidente Giorgio Napolitano emitiu um comunicado a condenar a violência racista.