Última hora

Última hora

Líbia pós-Kadafi ainda longe da paz

Em leitura:

Líbia pós-Kadafi ainda longe da paz

Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de opositores e partidários do Conselho Nacional de Transição protestaram em Benghazi contra as novas autoridades líbias.

Reunidos na praça Al Shajara, onde se celebrou o primeiro protesto contra o Muammar Kadhafi, em 15 de fevereiro os manifestantes pediram a demissão de o líder do CNT Abdeljalil.

Segunda-feira, as novas autoridades já tinham sido questionadas durante uma manifestação, a primeira desde a queda do antigo regime.

Abdeljalil é alvo alvo de protestos, após ter afirmado que a Líbia tinha capacidade de perdoar os simpatizantes do antigo regime que combateram os ex-rebeldes.

Os manifestantes também criticam o CNT que acusam de falta de transparência sobre suas atividades e sua composição.

“Eu quero mandar uma mensagem a Abdel Jalil, se não é capaz de nos ajudar deixem-nos em paz e dê a oportunidade a outra pessoas de nos ajudar.Precisamos de um presidente que nos ajude”.

A Líbia pós-Kadafi está ainda longe da paz, nas montanhas de Zitan tribos rivais atacam-se a tiro apesar as novas autoridades para que todos os líbios entreguem as armas.