Última hora

Última hora

Jornalista assassinado a tiro no Daguestão

Em leitura:

Jornalista assassinado a tiro no Daguestão

Tamanho do texto Aa Aa

Conhecido pela posição editorial independente face ao poder no Daguestão, o jornalista Khadjimurad Kamalov foi morto a tiro na cidade de Makhatchkala.

De acordo com as autoridades, o fundador do jornal “Tchernovik” e diretor geral da empresa de informação “Svoboda Slova” foi alvejado com oito balas e acabou por sucumbir a caminho do hospital.

Kamalov era conhecido pelas críticas frequentes ao poder local, investigando casos de corrupção. A morte representa mais um ataque a liberdade de imprensa na região do norte do Cáucaso.

O Daguestão é uma das repúblicas mais instáveis desta área. Nos últimos anos vários jornalistas foram assassinados.