Última hora

Última hora

Tragédia ao largo da ilha de Sacalina

Em leitura:

Tragédia ao largo da ilha de Sacalina

Tamanho do texto Aa Aa

Pelo menos 16 mortos e 37 desaparecidos é o primeiro balanço do afundamento de uma plataforma petrolífera russa no mar de Okhotsk, no extremo oriente da Rússia.

A plataforma Kolskaya afundou-se quando estava a ser rebocada para a ilha de Sacalina, durante uma tempestade. A bordo encontravam-se 67 pessoas; a tripulação do navio rebocador conseguiu salvar 14.

As equipas de socorro trabalharam durante toda a noite, mas os ventos fortes, as vagas superiores a cinco metros e as temperaturas de 17 graus negativos tornaram impossível encontrar sobreviventes.

As autoridades russas anunciaram esta manhã terem detetado um bote salva vidas com 15 pessoas a bordo, mas não há ainda confirmação de que haja sobreviventes nessa embarcação. Os outros quatro botes encontrados no mar estavam vazios.

As condições meteorológicas tornam as esperanças de encontrar sobreviventes muito remotas.