Última hora

Última hora

Final feliz para família indonésia

Em leitura:

Final feliz para família indonésia

Tamanho do texto Aa Aa

É uma história com um final feliz, digna da época natalícia. Pais e filha, separados pelo tsunami de 2004, reencontram-se.

No início da semana Wati que era, na altura, uma criança, apareceu num café da cidade de Meulaboh à procura dos pais. Disse que foi encontrada por uma viúva após o desastre, que foi forçada a trabalhar como pedinte e que foi libertada há poucos dias.

A história ainda não foi confirmada mas para a mãe, que pensava ter perdido duas filhas e se perguntava sobre o que teria acontecido com elas, o facto de uma delas regressar é uma benção.

Wati, que terá agora entre 14 e 15 anos, terá voltado à sua cidade Natal lembrando apenas do nome do avô, Ibrahim.

Para a mãe marcas de nascença na barriga, um sinal e uma cicatriz na face provaram que a menina era sua filha.

Durante a catástrofe, cerca de 168 mil pessoas morreram, apenas na província de Aceh, muitas estão apenas dadas como desaparecidas.

Há famílias que continuam a ter esperança de reencontrar os seus entes queridos mas tem havido aproveitamento destas situações e as reuniões, de facto, têm sido quase inexistentes.