Última hora

Última hora

Jornada sangrenta na Nigéria

Em leitura:

Jornada sangrenta na Nigéria

Tamanho do texto Aa Aa

O grupo islamita radical Boko Haram reivindicou a autoria do atentado deste domingo contra uma igreja nos subúrbios da capital nigeriana, onde, de acordo com o último balanço, morreram pelo menos 27 pessoas.

O ataque aconteceu enquanto se realizava a missa de Natal. Um responsável dos serviços de emergência disse que as autoridades estavam a tentar lidar com um número grande de feridos, pelo menos 50, mas que não havia ambulâncias suficientes para tantas pessoas.

A jornada sangrenta fica marcada por outros atentados. Contra uma Igreja Católica na cidade de Jos, uma localidade na “fronteira” entre norte e sul onde são frequentes confrontos. Também se registaram duas explosões em Damaturu e numa igreja da cidade de Gadaka.

O Vaticano classificou estes ataques como atos “absurdos”, que demonstram um “ódio cego, que não tem respeito algum pela vida.”

Este ano o grupo radical Boko Haram foi responsável por pelo menos 491 mortes em vários ataques em toda a Nigéria.