Última hora

Última hora

Ucrânia: Timoshenko enviada para a penitenciária

Em leitura:

Ucrânia: Timoshenko enviada para a penitenciária

Tamanho do texto Aa Aa

Yulia Timoshenko foi transferida do centro de detenção provisória em Kiev para uma penitenciária no leste da Ucrânia. Este é um sinal de que a antiga primeira-ministra vai mesmo cumprir a pena de sete anos de prisão a que foi condenada por abuso de poder, apesar da pressão da União Europeia.

Alguns apoiantes da soprano da revolução laranja concentraram-se esta manhã diante da prisão de Kiev onde estava detida.

“Acordaram Yulia durante a noite, inesperadamente e sem explicações, e de manhã meteram-na de maca numa carrinha prisional e enviaram-na na direção de Kharkiv” – explicou Alelksandr Turchynov, dirigente do partido da ex-primeira-ministra.

Timoshenko acusa o presidente Viktor Yanukovitch de lhe mover um processo político. Na semana passada, a ex-primeira-ministra perdeu o recurso e hoje foi enviada para uma penitenciária feminina, a duas centenas de quilómetros de Kiev, junto à fronteira com a Rússia.