Última hora

Última hora

França: Libération envolve Sarkozy no "caso Karachi"

Em leitura:

França: Libération envolve Sarkozy no "caso Karachi"

Tamanho do texto Aa Aa

O nome do presidente francês Nicolas Sarkozy surge novamente envolvido no chamado “caso Karachi”. No primeiro número do ano, a quatro meses das eleições presidenciais, o jornal Libération escreve que o chefe de Estado estava ao corrente das comissões pagas em negócios de armas nos anos 90, quando era ministro do orçamento.

De acordo com o jornal, o processo em curso na justiça descreve a criação de duas sociedades no Luxemburgo para gerir as comissões, o que, para um ex-alto funcionário do ministério da defesa, não poderia ter sido feito “sem o aval do gabinete do ministro.”

As comissões aos intermediários eram legais em França nos anos 90, mas os juízes que conduzem a investigação suspeitam da existência de retrocomissões ilegais que terão servido a financiar a campanha presidencial de Edouard Balladur, em 1995.

O caso Karachi começou a ser investigado na sequência de um atentado contra engenheiros franceses no Paquistão, em 2002.