Última hora

Última hora

UE prepara embargo petrolífero ao Irão

Em leitura:

UE prepara embargo petrolífero ao Irão

Tamanho do texto Aa Aa

A União Europeia vai aplicar um embargo ao petróleo iraniano. Várias fontes em Bruxelas são unânimes em afirmar que os 27 Estados-membros estão de acordo sobre o princípio. Falta definir as modalidades e a data de aplicação do embargo. Espera-se um compromisso até ao final do mês.

No sábado os Estados Unidos reforçaram as sanções unilaterais contra o Irão. As entidades estrangeiras que negociarem com o banco central iraniano no setor do petróleo poderão ver os seus ativos americanos congelados. Uma medida criticada em Pequim.

“A China está contra o facto de um país colocar as suas leis acima do direito internacional e aplicar sanções unilaterais a outro país. A China, como muitos outros países mantém relações económicas e energéticas, abertas, regulares e transparentes com o Irão. Estas relações não violam as resoluções do Conselho de Segurança das Nações Unidas” – afirmou o porta-voz do ministério dos Negócios Estrangeiros, Hong Lei.

Entretanto o tom das ameaças militares mantém-se elevado. Depois do Chefe do Estado-Maior iraniano lançar um aviso para que o porta-aviões americano John C. Stennis não regresse às águas do Golfo Pérsico, esta quarta-feira foi a vez do ministro da Defesa, o general Ahmad Vahidi, afirmar a sua oposição à presença das forças americanas na região.