Última hora

A França conseguiu vender sem dificuldades quase oito mil milhões de euros de títulos da dívida a dez, 12, 15 e 30 anos. As taxas estiveram a subir ligeiramente. As obrigações a dez anos transacionaram-se a 3,28% e a procura foi inferior ao último leilão.
 
Apesar de ter superado o primeiro teste do ano, o leilão não tranquiliza os mercados. Os índices europeus acentuaram as perdas.
 
O euro esse continua a cair face às principais moedas. Face ao dólar atinge mínimos de 15 meses a 1,28 dólares.