Última hora

Última hora

Oposição síria mostra sinais de divisão

Em leitura:

Oposição síria mostra sinais de divisão

Tamanho do texto Aa Aa

Uma das principais fações da oposição, o Conselho Nacional Sírio, reuniu-se em Istambul na Turquia mas não chegou a acordo sobre o caminho a seguir.

A ausência de um acordo está a beneficiar o Órgão Nacional de Coordenação, outra das principais fações da oposição que defende uma intervenção militar estrangeira a fim de derrubar o presidente Bashar al-Assad.

A porta-voz do Conselho Nacional Sírio adianta que o texto final ainda não foi aprovado. Segundo ela, o texto será modificado e a versão final será depois apresentada numa conferência da Liga Árabe.

Há duas semanas que uma missão de observadores da Liga Árabe se encontra no país. Segundo a organização, o governo sírio implementou apenas parcialmente medidas destinadas a acabar com a repressão que segundo a ONU já vitimou mais de cinco mil pessoas nos últimos 10 meses.

A oposição, por seu lado, acusa os observadores de estarem apenas a dar mais tempo às autoridades para estas continuarem a política de repressão.

As declarações da Liga Árabe têm lugar dois dias depois da chegada ao país de dois navios de guerra russos.

Moscovo tem apoiado o regime sírio que reclama estar a braços com um levantamento armado que já matou dois mil elementos das forças de segurança.

A Rússia e a China bloquearam iniciativas do Conselho de Segurança relativamente à Síria.

Várias potências ocidentais deixaram claro que não querem uma intervenção militar ao estilo da Líbia.