Última hora

Última hora

Mitt Romney consolida posição nas primárias do News Hampshire

Em leitura:

Mitt Romney consolida posição nas primárias do News Hampshire

Mitt Romney consolida posição nas primárias do News Hampshire
Tamanho do texto Aa Aa

Os votos das eleições primárias republicanas estão contados e os resultados não surpreenderam ninguém. Mitt Romney ganhou com uma margem considerável.

Está assim definida a batalha dos Republicanos para ganhar as eleições a Barack Obama em Novembro.

O nosso repórter Stefan Grobe acompanha os desenvolvimentos no local.

James Franey, euronews – Foi uma noite de muito trabalho… A primeira questão é, será que Mitt Romney alcançou o que queria?

Stefan Grobe – Penso que sim. Romney e a família foram ao cinema no dia das eleições para ver o mais recente “Missão Impossível”. Mas para ele tratou-se mais de Missão Cumprida. Ele ganhou com um,a margem confortável e penso que conseguiu o que queria.

euronews – Ron Paul também conseguiu bom um resultado, com 23 a 25% dos votos. Como parece estar a campanha dele por aí ?

Stefan Grobe – De certo modo foi uma surpresa Nos últimos resultados era considerado muito mais fraco. Mas gosta-se ou não de Ron Pau e das ideias dele. Ele é um candidato autêntico, o mais velho, tem 76 anos e os seguidores são muito jovens, alguns votam pela primeira vez.

Chamam-lhe libertário, tratam-no como O Republicano, ele tem uma base de apoio sólida, de 23 a 25%. Mas para além disso, duvido que se possa tornar um perigo para Mitt Romnney.

euronews – Ele também não deve ter o poder financeiro que tem Mitt Romny…

S.G. – Precisamente. Mitt Romney é, até agora, o mais rico e mais financiado dos candidatos republicanos em campanha.

euronews – Ouvimos bastante do embaixador da China, Jon Huntsman. O nome dele surgiu no último momento ams foi uma desilusão o seu terceiro lugar. Penso que está fora da corrida, não está?

S.G. – Oficialmente ele ainda está na corrida. É ainda desconhecido e uma ameaça mínima para Mitt Romney, já que se movem junto do mesmo eleitorado. É um republicano moderado, e não um conservador. Como Romney, tem um bom CV, boa presença e é membro da amninistração republicana. Um resultado forte de Jon Huntsman teria sido um perigo para Mitt Romney, o que não aconteceu. Huntsman já está a pensar nas primárias da Carolina do Sul. Mas, Romney continua a ser o candidato republicano mais forte

euronews – Que rumo vão tomar as primárias? Em 21 de janeiro continuam na Carolina do Norte… Acha que o passado de Mitt Romney numa empresa de investimentos vai ter influência? Que vai acontecer daqui para a frente?

S.G. – Este é um assunto importante. Romney tem estado na defensiva no assunto dos despedimentos de pessoal quando trabalhava em Bain Capital e foi criticado por Newt Gingrich. Agora Gingrich anuncia que vai ganhar na Carolina do Sul. O cenário é muito diferente, a Carolina do Sul é bem maior que New Hamphshire e um Estado mais conservador. Há muitos cristãos evangélicos, o eleitorado que apoia a Gingrich. Será uma eleição difícil mas se Mitt Romney ganha ali tudo se define muito, muito rapidamente.