Última hora

Última hora

Revolução na internet

Em leitura:

Revolução na internet

Tamanho do texto Aa Aa

A internet prepara-se para viver uma revolução com a liberalização da criação de nomes de domínios.

As novas normas foram aprovadas pela Corporação da Internet para Atribuição de Nomes e Números (ICANN) agregado à ONU que permitem que a qualquer entidade a possibilidade de solicitar o registoo de um novo gTLD (Generic Top Level Domains) na Internet.

A partir de quinta-feira, a organização começa a aceitar pedidos para administrar novos endereços e a corrida começou.

É a primeira vez em mais de uma década que qualquer pessoa pode solicitar os direitos para controlar uma fatia do mercado global da web, e não apenas domínios para tipos específicos de utentes da rede.

Apenas solicitar a licença para ser detendor de um novo domínio requer uma taxa de inscrição de 185.000 mil dolares, masis 25 000 dolares anuais de despesas de dossiê, o que deverá limitar a banalização do processo, como receiam algumas instituições internacionais.