Última hora

Última hora

Nigéria: dois dias para encontrar um acordo

Em leitura:

Nigéria: dois dias para encontrar um acordo

Tamanho do texto Aa Aa

Os principais sindicatos que lideram a greve geral na Nigéria anunciaram a suspensão dos protestos durante os próximos dois dias.

O objetivo é permitir a continuidade das negociações com o governo que ofereceu o regresso a uma pequena parte dos subsídios que tinha decidido retirar, um gesto considerado considerado insuficiente pelos sindicatos.

O anúncio não altera a ameaça feita de paralisar a produção a partir de domingo se o governo não voltar atrás da decisão de retirar os subsídios que mantêm o preço do combustível mais barato.

“Estamos a apoiar o nosso presidente, enquanto ele for presidente temos de lhe dar uma oportunidade”, diz este manifestante.

Novas negociações com o governo estão previstas para este sábado, após o fracasso de uma primeira reunião na quinta-feira.

A ameaça dos sindicatos já provocou uma subida dos preços do petróleo nos mercados internacionais.