Última hora

Última hora

Costa Concórdia: resgatada uma sétima vítima mortal

Em leitura:

Costa Concórdia: resgatada uma sétima vítima mortal

Tamanho do texto Aa Aa

As equipas de salvamento prosseguem as buscas no paquete acidentado Costa Concordia, num momento em que uma sétima vítima mortal foi retirada esta madrugada da embarcação.

O número de desaparecidos do naufrágio de sexta-feira aumentou, entretanto de 15 para 29.

As más condições meteorológicas obrigaram à interrupção das buscas durante a noite e ameaçam a estabilidade do navio com 2,300 toneladas de combustível a bordo.

Os últimos dados da investigação às causas do acidente confirmam a responsabilidade do comandante que ter-se-ia aproximado demasiado da costa para saudar os habitantes da ilha.

Uma manobra habitual ao largo das ilhas italianas, considerada como um “erro imperdoável” pelo procurador Francesco Verusio: “Temos também a certeza de que abandonou o navio quando muitos passageiros estavam ainda à espera de serem resgatados”.

O comandante do navio encontra-se atualmente em prisão preventiva e poderá incorrer numa pena de até 15 anos de prisão caso seja reconhecido culpado das acusações de homicídio e abandono do posto.

Os investigadores debruçam-se também sobre o respeito das regras de segurança dentro da embarcação.

Segundo algumas testemunhas, os passageiros não teriam realizado o exercício de evacuação obrigatório nas primeiras 24 horas após o embarque.