Última hora

Última hora

Governo alemão pretende criar registo de neonazis violentos

Em leitura:

Governo alemão pretende criar registo de neonazis violentos

Tamanho do texto Aa Aa

O governo alemão prepara-se para criar um registo central de neonazis violentos. A decisão foi tomada na sequência de um escândalo que chocou a Alemanha. Em novembro a polícia descobriu, por acaso, que um trio de extremistas esteve na origem de uma dezena de homicídios de caráter racista na década passada. Mas esta é a primeira etapa, como explica a ministra federal da justiça,

Sabine Leutheusser-Schnarrenberger: “Temos de elucidar os crimes e depois há que debater profundamente o estado das nossas estruturas de segurança, de forma a torná-las mais eficientes.”

A Alemanha é um estado federal e por isso cada land tem as suas próprias polícias. No total há 32 agências relutantes em trocar informação.

Entretanto surge uma nova polémica relacionada com o livro de Adolf Hitler, “Mein Kampf”. A bíblia nazi está proibida na Alemanha e apenas os académicos podem aceder ao texto. Mas um editor britânico conta publicar um extrato de 16 páginas para que os alemães possam perceber que o seu lugar é no caixote do lixo.