Última hora

Última hora

Decretado estado de emergência na área do naufrágio do "Costa Concordia"

Em leitura:

Decretado estado de emergência na área do naufrágio do "Costa Concordia"

Tamanho do texto Aa Aa

Foi decretado o “estado de emergência”, esta sexta-feira, na área do naufrágio do “Costa Concordia”.

O navio desliza a um ritmo de sete milímetros por hora e teme-se o derrame de combustíveis e outros agentes poluentes.

Por causa da movimentação dos destroços, os trabalhos de resgate foram interrompidos, esta sexta-feira, para não colocar em risco os mergulhadores.

O professor Nicola Casagli, da Universidade de Florença e encarregado de acompanhar a evolução do navio, diz que “para se afundar é preciso que se mova uma dezenas de metros e estamos longe desse cenário.”

A atenção está agora voltada para as condições meteorológicas pois está prevista uma tempestade nas próximas horas o que pode ameaçar a estabilidade do navio empurrando-o em direção a um precipício de 70 metros de profundidade.

Esta sexta-feira os mergulhadores foram substituídos por um robô telecomandado por cabo, na inspeção do paquete, em busca das 20 pessoas ainda desaparecidos.

O capitão do “Costa Concordia”, Francesco Schettino, está em prisão domiciliária acusado de homicídio múltiplo, naufrágio e abandono de navio.

Schettino defende-se dizendo que o acidente foi uma “fatalidade”.