Última hora

Última hora

Finlândia: Defensores do euro lideram sondagens

Em leitura:

Finlândia: Defensores do euro lideram sondagens

Tamanho do texto Aa Aa

A Finlândia vai amanhã a votos para escolher o presidente da república. A liderar as sondagens estão dois candidatos favoráveis à manutenção do euro como moeda do país.

Sauli Niinisto tem 63 anos e é o candidato do partido Coligação Nacional. Um partido de cariz economicamente conservador e liberal em questões sociais. Niinisto é apontado como o favorito, com 32 por cento das intenções de voto, de acordo com uma sondagem divulgada sexta-feira.

Sauli Niinisto foi ministro das finanças, entre 1996 e 2003 e ficou conhecido pelas políticas orçamentais rigorosas e por ser um acérrimo defensor da moeda única europeia.

Paavo Väyrynen, de 65 anos, é o candidato do Partido do Centro. Eurocético pertinaz, defende a volta à antiga moeda finlandesa, a Marca, em paridade com com euro.

Com 53 anos, Pekka Haavisto, da Liga Verde, é o mais jovem candidato à presidência da Finlândia. Pró-euro e homossexual assumido, Haavisto aparece em segundo lugar nas sondagens, com 13 por cento das intenções de voto.

Caso as sondagens se confirmem Haavisto e Sauli Niinisto devem disputar a segunda volta a 5 de fevereiro, deixando de fora o eurocético Paavo Väyrynen.

Segundo os analistas políticos, isto mostra que a maioria do eleitorado deseja manter o caminho da integração internacional, apesar do crescente euroceticismo no país.