Última hora

Última hora

Portugueses contestam austeridade

Em leitura:

Portugueses contestam austeridade

Tamanho do texto Aa Aa

Os “indignados” e outros agrupamentos afins manifestaram-se, na tarde deste sábado, em Lisboa, contra a política de austeridade, prosseguida pelo Governo de Passos Coelho.

Mas nem tudo correu bem. Um grupo de extrema-direita tentou integrar a manifestação, mas foi impedido de o fazer.

Depois de um cerco, os ânimos aqueceram e houve uma troca de mimos, só interrompida pela intervenção policial.

A abrir a manifestação, um cartaz dizia que “esta dívida não é nossa”.

Os manifestantes reclamavam ainda o acesso ao emprego com direitos e o fim da precariedade.

A manifestação coincidiu com a presença, em Lisboa, de uma missão da União Europeia, chefiada por Jurgen Kroger, que vai monitorizar a aplicação do memorando assinado com Bruxelas, o Banco Central Europeu e o Fundo Monetério Internacional.