Última hora

Última hora

Bruxelas quer endurecer proteção de dados pessoais na internet

Em leitura:

Bruxelas quer endurecer proteção de dados pessoais na internet

Tamanho do texto Aa Aa

A Comissão Europeia apresentou uma proposta para endurecer a proteção dos dados pessoais na Internet que, caso seja aprovada, deve provocar vários inconvenientes a redes sociais.
 
O objetivo da “reforma integral da lei de proteção de dados que remonta a 1995 é reforçar os direitos pessoais na Internet e impulsionar a economia digital europeia”.
 
A Comissária Europeia encarregada da Justiça e dos Direitos Fundamentais, Viviane Reding, defende que “os cidadãos têm o direito de saber como são processados os seus dados e a pronunciar-se sobre o seu uso”.
 
Contra as empresas infratoras, a proposta europeia propõe sanções de até um milhão de euros ou uma multa entre 2% e 5% do volume de negócios.
 
A proposta europeia tenta fazer com que os internautas saibam claramente o que transmitem e para quê.