Última hora

Última hora

Justiça liberta responsável do massacre de Haditha

Em leitura:

Justiça liberta responsável do massacre de Haditha

Tamanho do texto Aa Aa

O sargento norte-americano acusado de ter comandado o massacre de Haditha, no Iraque, não vai cumprir pena de prisão. O tribunal marcial encarregue do julgamento optou por uma despromoção militar de Frank Wuterich.

A sentença resulta de um acordo com a acusação, depois de Wuterich se ter declarado culpado por incumprimento do dever na morte de 24 civis iraquianos. O sargento confessou ter ordenado aos soldados para “disparar primeiro, perguntar depois”.

O massacre de Haditha, a 19 de novembro de 2005, é considerado um dos mais graves crimes de guerra do exército norte-americano no Iraque. A acusação descreveu um “massacre de civis desarmados” para vingar a morte de um soldado. Os outros arguidos foram absolvidos.