Última hora

Última hora

Espanha propõe uso de fundos europeus para criar emprego

Em leitura:

Espanha propõe uso de fundos europeus para criar emprego

Tamanho do texto Aa Aa

Usar os fundos estruturais e sociais da União Europeia, não aplicados, para relançar o crescimento e criar emprego: a proposta foi feita pelo primeiro-ministro espanhol, na visita à Alemanha. Mariano Rajoy recebeu o apoio de Angela Merkel e o tema será abordado na próxima cimeira, dia 30.

Rajoy explica que o seu “principal objetivo para os próximos anos é a criação de emprego e o relançamento do crescimento económico. É a base da prosperidade de Espanha, fundamental para perpetuação dos serviços públicos, como a educação e o sistema de pensões”.

Madrid tem a maior taxa de desemprego da União Europeia. Supera os 20% e no caso dos jovens atinge os 45 por cento. Mas a questão afeta todos os países e a situação complicou-se com a aplicação de medidas de austeridade e com o agudizar da crise. Há ainda a ameaça de recessão que paira sobre a economia europeia. A taxa europeia média de desemprego é de dez por cento.

Não se conhece o montante de fundos não utilizados, mas no caso da Grécia atingiram os 15 mil milhões de euros no orçamento europeu de 2007-2013.