Última hora

Última hora

Bélgica vive greve em dia de cimeira da UE

Em leitura:

Bélgica vive greve em dia de cimeira da UE

Tamanho do texto Aa Aa

Os trabalhadores dos caminhos-de-ferro belgas foram dos primeiros a iniciar uma greve geral na Bélgica no mesmo dia em que Bruxelas acolhe uma cimeira europeia informal.

O motivo da greve são as medidas de austeridade previstas pelo governo para reduzir o défice público para os três por cento este ano.

Nas estações de comboios o caos já se começa a fazer sentir. “Estou chocado porque ninguém se responsabiliza por nada. Mais, não sou deste país, é a primeira vez que aqui estou, e não sei para onde ir”, diz um viajante na gare de comboios do sul de Bruxelas. “Estou a regressar de férias e sou enviada de um canto para o outro na estação. Ninguém consegue responder às minhas questões e não consigo chegar a casa”, refere uma passageira. Acho uma vergonha porque cada vez mais nos pedem para usar os transportes. Somos aconselhados a não usar os nossos carros mas no final, mais uma vez, somos reféns e é um escândalo”, diz um passageiro.

As autoridades belgas prepararam um aeroporto militar nos arredores de Bruxelas para receber os dirigentes europeus que vão debater a crise europeia esta segunda-feira.