Fechar
Login
Por favor, introduza os seus dados de login

Skip to main content

close share panel

Share this article

Twitter Facebook
| Partilhe este artigo
|

O melhor patrão do mundo é australiano.

Pelo menos é o que garantem os empregados de Ken Grenda, que aos 79 anos decidiu vender a empresa de transporte rodoviário de passageiros, em Melbourne, e partilhar parte do lucro com trabalhadores. Qualquer coisa como 12 milhões de euros.

“Os condutores de autocarros não são os mais bem pagos da cidade, mas são dedicados. Trabalharam muito e há pessoas que estão aqui há 40 ou 50 anos, uma vida inteira. Por isso, achei que mereciam ser recompensados” afirma Grenda.

O valor da recompensa varia entre os sete e os 23 mil euros, em função do tempo de serviço.

Quando olharam para a conta bancária, os empregados nem queriam acreditar.

“Pensei que teria um bónus no valor de 40 euros, ou algo parecido. Fiquei chocado” afirma um trabalhador da empresa.

Outro acrescenta: “vai estar sempre nas minhas orações. Ele e a família.”

No total foram contemplados 1800 trabalhadores.

O novo patrão promete manter todos os postos de trabalho, mas vai ser difícil superar a popularidade de Grenda.

Copyright © 2014 euronews

Mais informação sobre
| Partilhe este artigo
|