Última hora

Última hora

Embaixadas sírias alvos de protestos contra Bashar al-Assad

Em leitura:

Embaixadas sírias alvos de protestos contra Bashar al-Assad

Tamanho do texto Aa Aa

Os ânimos chegaram a exaltar-se frente à embaixada síria, em Londres, onde centena e meia de manifestantes se juntaram para protestar contra a sucessão de mortes e violência no país governado por Bashar al-Assad.

Alguns dos ativistas conseguiram mesmo furar a barreira policial e irromper pelo edifício. Seis pessoas foram detidas.

Apesar da turbulência, uma das manifestantes reforçou que o ajuntamento não se destinava a provocar confrontos, mas a denunciar uma situação ainda desconhecida para muitos e, destacou, isso sim “é chocante”.

Outro participante garantiu que não iria sair dali enquanto os funcionários da embaixada e os representantes de al-Assad não se retirassem das instalações diplomáticas.

O mesmo aconteceu no Kuwait e no Cairo, onde as embaixadas sírias foram mesmo invadidas, tendo-se registado feridos entre os seguranças e inúmeros danos materiais.