Última hora

Última hora

Primeiro dia de greve na aviação em França

Em leitura:

Primeiro dia de greve na aviação em França

Tamanho do texto Aa Aa

Cerca de 50 por centos dos voos foram afetados, esta segunda-feira, pela greve na aviação em França.

Os números são avançados pelo principal sindicato de pilotos, o SNPL.

A paralisação foi convocada em sinal de protesto contra um projeto de lei, que obriga os trabalhadores a comunicar individualmente e com dois dias de antecedência, a intenção de fazer greve.

Muitos passageiros foram apanhados de surpresa:

Um homem diz ter chegado ao aeroporto ontem de manhã com mais de uma hora e meia de atraso.

Desde então, adianta, todos os voos que tentou apanhar foram anulados. Um dia depois continua à espera de deixar o país.

Os atrasos e cancelamentos prometem continuar até quinta-feira, o último dia de greve.

O projeto de lei vai a ser apreciado no senado a 15 de fevereiro e o ministro dos Transportes já fez saber que não pretende fazer marcha atrás.

Euronews: “No primeiro dia de greve não foram muitas as perturbações, mas a paralisação vai manter-se nos próximos três dias e este vai ser com certeza um teste à regulação do direito à greve, em França, no setor da aviação.”