Última hora

Última hora

Greve aeroportuária em França

Em leitura:

Greve aeroportuária em França

Tamanho do texto Aa Aa

Dezemas de voos foram cancelados nos aeroportos franceses, durante o segundo dia de uma paralisação de protesto, contra as intençõpes governamentais de restringir o direito à greve.

Apesar de tudo, não há nenhum aeroporto paralisado.

No longo curso, a Air France anulou um pouco menos de 50 por centio dos voos previstos. No curto e médio curso, a perda foi de apenas 30 por cento.

Os sindicatos dizem que a luta é para continuar:

“Estamos num período eleitoral e, portanto, o governo não vai ceder facilmente, mas nós somos pacientes. Provamos todos os dias a mobilização e provamos todos os dias que esta lei não serve a ninguém”.

Os dois aeroportos mais afectados são os de Paris, seguidos do de Marselha.

O de Lyon é, até ao momento, o aeroporto com menos perturbação.

Quem fica em terra aproveita para dormir.

A Air France diz que, só na segunda-feira, enviou 25 mil mensagens SMS, aos seus clientes, sugerindo-lhes alternativas.