Última hora

Última hora

Grécia: Prós e contras

Em leitura:

Grécia: Prós e contras

Tamanho do texto Aa Aa

Apesar dos partidos da coligação governamental grega terem finalmente chegado a acordo sobre todos os pontos do novo pacote de medidas de austeridade, no parlamento continuam a existir divergências notórias e o vice-ministro do trabalho demitiu-se.
 
“Não podemos permitir que este crime contra o povo grego, contra o país, passe. O programa da bancarrota não passará”, disse o líder do partido da extrema-esquerda “Syriza”.
 
O partido comunista também criticou o acordo e as novas medidas que irão exigir mais sacrifícios ao povo grego.
 
“Ficou demonstrado que o governo é perigoso. Conscientemente fez recuar o país 60 anos, até ao tempo da pobreza, da mendicidade, do desespero. Tudo para que possam assegurar os lucros dos negócios dos ricos”, denunciou o deputado Spiros Chalvatzis.
 
Para o ministro da Saúde as medidas aprovadas são necessárias para tirar o país da crise.
 
“Sabemos que as decisões que tomámos irão ter certamente consequências para o público, mas por outro lado, este é o caminho que sem dúvida temos de seguir”, justificou o ministro da Saúde.