Última hora

Última hora

Debate político sobe de tom na Rússia

Em leitura:

Debate político sobe de tom na Rússia

Tamanho do texto Aa Aa

Sobe o tom na Rússia com o início dos debates entre candidatos às eleições presidenciais.

No debate televisivo que opôs o líder do Partido Liberal Democrata, Vladimir Zhirinovsky, ao chefe do Partido Comunista, Guennady Zyuganov, a troca de ideias e de acusações foi bastante acesa e Vladimir Putin não escapou às críticas dos dois candidatos.

No final do debate, Zhirinovsky afirmou que vai ser difícil para Putin enfrentar os adversários em debates televisivos. “Ele está no poder há 13 anos, desde agosto de 1999. Talvez não seja culpado de nada pessoalmente, mas houve muitas coisas negativas nos últimos 13 anos.”

Mikhail Prokhorov é um dos cinco candidatos que vai disputar a corrida para a presidência russa. O patrão do clube de basquetebol norte-americano New Jersey Nets, detentor da terceira maior fortuna da Rússia de acordo com a revista Forbes, reuniu-se com os observadores da OSCE que vão acompanhar o processo eleitoral.

Afastado dos palcos políticos, mas extremamente crítico em relação a Vladimir Putin, Mikhail Gorbatchov afirmou numa conferência com estudantes sobre a situação política do país, que o primeiro-ministro e candidato à presidência “não deve ser vilipendiado. Fez algumas coisas úteis, mas já esgotou os seus recursos.”

Quem vai acompanhando todo este debate político com um sorriso nos lábios é Vladimir Putin, que deverá regressar ao mais alto cargo do Kremlin, após quatro anos a exercer funções de primeiro-ministro.