Última hora

Última hora

Irão celebra 33° aniversário da Revolução Islâmica sob fundo de tensão política

Em leitura:

Irão celebra 33° aniversário da Revolução Islâmica sob fundo de tensão política

Tamanho do texto Aa Aa

Milhões de iranianos, em 850 cidades do país, saíram à rua para celebrar os 33 anos da Revolução Islâmica.

Mahmoud Ahmadinejad proferiu o tradicional discurso à nação, durante o qual afirmou que o Irão vai anunciar em breve grandes feitos no domínio do nuclear.

A particularidade deste aniversário é que acontece a menos de um mês das eleições legislativas iranianas, agendadas para 02 de março, as primeiras a nível nacional desde o disputado escrutínio presidencial de 2009.

Pela primeira vez desde a Revolução Islâmica, em 1979, o parlamento iraniano convocou o presidente para ser interrogado pelos deputados.

Mahmoud Ahmadinejad vai ter que responder a uma longa lista de perguntas sobre a economia do país, mas também sobre decisões de política externa e interna, nomeadamente porque é que despediu o ministro dos Serviços Secretos iraniano.

Ahmadinejad acabou por ter que reintegrar o ministro na equipa executiva por imposição do Líder Supremo iraniano, o aiatola Khamenei.

De acordo com a Constituição, Ahmadinejad tem um mês para comparecer no parlamento, o que significa que poderá fazê-lo apenas depois das legislativas de 02 de março.