Última hora

Em leitura:

Sírios protestam contra Al Assad de Paris a Telavive


Síria

Sírios protestam contra Al Assad de Paris a Telavive

De França a Israel, a diáspora síria saiu às ruas no domingo para exigir a intervenção da comunidade internacional para pôr fim ao regime de Bashar Al Assad.

Na capital francesa, os manifestantes pediram ao governo que aumente a pressão sobre Rússia e China no Conselho de Segurança da ONU, que se opõem a uma resolução contra o regime sírio.

As mesmas palavras de ordem ouviram também em Londres, durante uma manifestação organizada pela organização Amnistia Internacional.

Os manifestantes denunciaram o massacre de centenas de civis na última semana em Homs e os mais de um milhar de vítimas desde o início da revolta síria que dura há 11 meses.

Em Israel e nos territórios palestinianos, centenas de pessoas desfilaram também para pedir o fim da violência na Síria.

Dezenas de israelitas de origem russa protestaram frente à embaixada russa de Telavive para exigir que Moscovo deixe de apoiar o regime de Bashar Al Assad.

À semelhança da China, a Rússia recusa-se a apoiar uma condenação internacional a Al Assad, considerando que o clima no país não é de revolução mas sim de guerra civil.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Cantora Whitney Houston falece num hotel de Beverly Hills