Última hora

Última hora

Administração da Rádio Eco de Moscovo substituída

Em leitura:

Administração da Rádio Eco de Moscovo substituída

Tamanho do texto Aa Aa

A Rádio Eco de Moscovo, um dos poucos media com independência editorial na Rússia, acaba de passar por uma remodelação administrativa que muitos pensam ser consequência das críticas proferidas contra a estação pelo primeiro-ministro Vladimir Putin.

A rádio é privada, mas o principal acionista é o gigante público do gás, GazProm e o chefe de redação, Alexei Venediktov, admite que haja manobras políticas por detrás das mudanças:
“É possível que alguns pilares do Kremlin estejam a tentar assumir o controlo editorial mesmo antes da eleição presidencial para a cobertura do que virá a seguir. É uma possibilidade”.

A remodelação surge apenas um mês depois de uma troca de galhardetes em antena entre o primeiro-ministro e candidato a presidente, Vladimir Putin e o próprio chefe de redação. Na altura Putin acusou a radio de emitir programas “de trampa” e de favorecer o ponto de vista dos Estados Unidos em deterimento do ponto de vista oficial russo.