Última hora

Última hora

Franco francês despede-se em plena crise do euro

Em leitura:

Franco francês despede-se em plena crise do euro

Tamanho do texto Aa Aa

Os franceses despedem-se definitivamente do franco. Dez anos após a adoção do euro, a antiga moeda francesa passa a ser apenas um objeto de colecionador.

Centenas acorreram esta sexta-feira às delegações do banco de França para poder trocar, pela última vez, as velhas notas por euros.

“Eu tinha guardado algumas notas, mas decididi trocá-las porque era agora ou nunca, e ainda valem o equivalente a 50 euros”.

“Eu tinha ainda alguns francos num envelope que me tinham oferecido os meus avós”

“Eu encontrei um pequeno maço de notas entre os pertences da minha mãe”.

A operação deverá permitir aos cofres franceses recuperar cerca de 500 milhões de euros que circulavam ainda em moeda antiga. Mas, segundo as sondagens, pelo menos um em cada três franceses ainda defende um regresso ao franco.

Nas filas desta sexta-feira encontravam-se alguns colecionadores,

“Muita gente conservou ainda bilhetes dos anos 60 e 70 e eu vim até aqui para tentar comprá-los, claro se estiverem dispostos a vendê-los”.

Os francos franceses recuperados vão terminar desta maneira, triturados em grandes blocos.

A moeda com mais de sete séculos passa assim à história, num momento em que o euro luta pela sua sobrevivência.