Última hora

Em leitura:

A última oportunidade da Grécia


economia

A última oportunidade da Grécia

Foram precisas quase 14 horas de negociações para o Eurogrupo chegar a acordo sobre um segundo pacote de resgate à Grécia.

Segundo a declaração final, o acordo deve fazer baixar o rácio da dívida grega para 120,5% do PIB em 2020.

Depois de um resgate de 110 mil milhões de euros em 2010, a Grécia vai agora receber 130 mil milhões de euros. A média dos juros da dívida grega a dez anos foi de cerca de 26%, em janeiro.

“Acho que esta é a última oportunidade da Grécia, porque tornou-se óbvio nas últimas semanas e em todas as negociações na Europa que a paciência dos parceiros europeus se esgotou e não me parece que as pessoas nos vão emprestar mais dinheiro”, sublinha o professor Dimitris Karsikas.

O plano acordado na reunião do Eurogrupo de segunda-feira obrigou os investidores privados a aceitarem um maior perdão de dívida: 53,5% do valor nominal.

O Banco Central Europeu vai distribuir os lucros que obtiver com a compra de obrigações soberanas da Grécia.

Os mercados europeus reagiram em queda às decisões de Bruxelas.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

economia

Juros de Portugal, Itália e Espanha em queda