Última hora

Última hora

DSK poderá ser libertado esta noite

Em leitura:

DSK poderá ser libertado esta noite

Tamanho do texto Aa Aa

O ex-diretor do FMI cumpre um segundo dia de prisão preventiva na esquadra de polícia de Lille.

Dominique Strauss-Kahn (DSK) voltou a ser interrogado esta manhã pelo seu suposto envolvimento numa rede de prostituição, organizada em torno de um dos hotéis de luxo da cidade do norte de França.

O juiz de instrução decidira ontem prolongar por 24 horas a prisão preventiva, apesar das declarações dos advogados de defesa de que Strauss-Kahn estaria inocente das acusações de cumplicidade em proxenetismo e em desvio de fundos.

O juiz de instrução deverá libertar esta noite DSK que poderá ser formalmente acusado no caso que envolve vários empresários da região.

Em causa está a presença do político socialista em festas privadas no hotel Carlton de Lille e nos Estados Unidos, entre 2010 e 2011, organizadas por uma rede de prostituição.

O advogado de DSK tinha ontem rejeitado as acusações, afirmando que o seu cliente desconhecia a existência de uma rede de prostituição, desafiando, “quem quer que seja a distinguir uma mulher nua de uma prostituta nua”.