This content is not available in your region

O combate da exclusão no ensino

Access to the comments Comentários
De  Euronews
O combate da exclusão no ensino

<p>A Convenção sobre os Direitos da Criança, adotada pelas Nações Unidas, pretende proteger os menores da discriminação. Mas muitas crianças oriundas de comunidades marginalizadas e minoritárias continuam a enfrentar a exclusão social e educacional. O Learning World dá-lhe a conhecer diferentes projetos que tentam combater essa exclusão. </p> <p><strong>Afeganistão: Povo Jat excluído do ensino</strong></p> <p>No Afeganistão, muitas famílias com um passado nómada ou oriundas de grupos minoritários não mandam as crianças para a escola com medo da humilhação. O governo deixou uma grande lacuna no que toca aos seus direitos e, ainda que muitas <span class="caps">ONG</span>’s tentem colmatá-la, as condições permanecem extremamente difíceis para muitas pessoas. </p> <p>Mais informações em: <a href="http://en.wikipedia.org/wiki/Jat_people">en.wikipedia.org/wiki/Jat_people</a><br /> <a href="http://www.aschiana.com/">www.aschiana.com/</a></p> <p><strong>Índia: o ensino numa escola tribal</strong></p> <p>A discriminação é um dos ingredientes da exclusão. Mas a pobreza também tem o seu papel. No Instituto de Ciências Sociais de Kalinga, na Índia, estudam e vivem 15 mil crianças oriundas de tribos minoritárias. O objetivo é dar às crianças novas oportunidades através do ensino e formação profissional. </p> <p>Mais informações em: <br /> <a href="http://www.kiss.ac.in/index.html">www.kiss.ac.in</a><br /> <a href="http://orissadiary.com/orissa_profile/tribal/index.asp">www.orissadiary.com</a></p> <p><strong>Espanha: a emancipação da etnia cigana</strong></p> <p>Os jovens das comunidades ciganas de Espanha veem, muitas vezes, as próprias tradições a entrarem em conflito com o sistema escolar. Muitos abandonam a escola. Outros nunca lá chegam a pôr os pés. Mas há uma fundação que lhes garante um ensino que não põe em causa a sua herança cultural. Nesta reportagem, ficamos a conhecer outra história de sucesso. </p> <p>Mais informações em:<br /> <a href="http://www.fundaciopereclosa.org/">www.www.fundaciopereclosa.org</a></p>