Última hora

Última hora

Rússia: eleições livres ou fraude anunciada?

Em leitura:

Rússia: eleições livres ou fraude anunciada?

Tamanho do texto Aa Aa

As sondagens apontam para uma vitória folgada de Vladimir Putin a 4 de março, sucedendo ao homem que tinha escolhido como seu sucessor, Dmitri Medvedev.

Para muitos, Putin é a figura forte que acabou com o caos da era pós-soviética e trouxe estabilidade. Mas as eleições parlamentares de dezembro, vistas pela oposição como fraudulentas, levaram um enorme número de manifestantes para as ruas.

Putin tinha prometido combater a corrupção mas o nepotismo continua. Apesar de a Rússia ser o maior produtor mundial de petróleo, 17 por cento da população vive na pobreza. Os opositores dizem que mais dois mandatos de Putin significariam estagnação. Os apoiantes relembram os tempos caóticos antes de ele chegar ao poder.”

Esta edição de “The Network” conta com três convidados: Vladimir Chizhov, embaixador russo junto da União Europeia, que afirma que Putin vai “ganhar a eleição mais livre e mais justa que possamos imaginar”; Garry Kasparov, antigo campeão mundial de xadrez e ex-candidato às presidenciais, que compara Putin a Al Capone, e Lilya Shibanova, líder da organização independente Golos que acompanha as eleições mas que é acusada pelos “media” pró-Kremlin de estar ao serviço dos poderes ocidentais.