Última hora

Última hora

Terceira noite de confrontos na ilha da Reunião

Em leitura:

Terceira noite de confrontos na ilha da Reunião

Tamanho do texto Aa Aa

Terceira noite consecutiva de violência na ilha da Reunião.

Dezenas de jovens voltaram a envolver-se em confrontos com a polícia. Mais de três dezenas de pessoas foram interpeladas.

Nos últimos dias vários supermercados e empresas foram pilhados e carros incendiados.

Tudo começou com um protesto contra o aumento do custo de vida, mas depressa se transformou numa batalha campal.

Os preços da eletricidade, comunicações e combustíveis dispararam no departamento ultramarino francês.

As autoridades locais debatem, esta sexta-feira, propostas na tentativa de fazer baixar os preços dos combustíveis.

A ideia do presidente do Conselho Regional é suportar uma parte dos custos com receitas de impostos locais.

Os habitantes há muito que começaram a cortar nas despesas e nem mesmo os produtos alimentares escaparam.

“Eu por exemplo deixei de comprar iogurtes. Mas há muitos outros produtos que deixei de comprar por causa dos preços. É incomportável. Por isso, estou a cortar em tudo” afirma um homem.

Cortar é uma das palavras mais ouvidas numa ilha onde o desemprego atinge cerca de 30 por cento da população e 60 por cento dos jovens com menos de 25 anos.