Última hora

Última hora

Rebeldes de Kfar Takharim enfrentam os militares sírios

Em leitura:

Rebeldes de Kfar Takharim enfrentam os militares sírios

Tamanho do texto Aa Aa

O Exército Livre Sírio Arafat considera que se não houver uma intervenção militar na Síria contra o regime do presidente Bashar al-Assad, centenas de pessoas vão morrer diariamente.

Em Kfar Takharim os rebeldes vigiam a chegada dos militares de Damasco e defendem-se como podem.

No mês passado conseguiram repelir as forças de Assad e desde então organizam-se em pontos de controlo e erguem barricadas para defendem a cidade.

“Os militares sirios chegam e não respeitam nada. Matam crianças e mulheres destroem as casas e atacam sem excepção. Eles não se interessam pela consequência dos seus atos, apenas querem destruir o país”, diz este rebelde.

Os rebeldes dizem que não chegou até agora qualquer ajuda militar por parte de algum país árabe e que devido à falta de armamento há um total desequilíbrio de forças entre a oposição e o Exército do regime.

A força armada rebelde é formada por desertores das Forças Armadas sírias que abandonaram quando o Exército legalista se transformou na expressão de um grupo do regime para matar o povo.

Em Kfar Takharim a guerra ainda não mostrou as suas garras mas os soldados de Bachar Al Assad andam por perto e espiam os residentes: