Última hora

Última hora

Rússia: Oposição dispersa não resiste a Putin

Em leitura:

Rússia: Oposição dispersa não resiste a Putin

Tamanho do texto Aa Aa

Um artigo do magnata Mikhail Khodorkovsky,
publicado esta segunda-feira em dois jornais britânicos e um francês, exorta os eleitores russos a porem fim ao que ele chama “monopólio do poder de Vladimir Putin”.

Desde as eleições de dezembro que as grandes cidades russas são palco de manifestações contra Putin, por suspeita de manipulação dos resultados eleitorais.

Para a ativista ambiental Yevgenia Chirikova, o que era uma sociedade civil incipiente é hoje uma sociedade forte, capaz de sobreviver, independentemente do que aconteça no Kremlin.

“O processo foi iniciado. Uma grande parte da população uniu-se e independentemente do que a oposição possa fazer, as pessoas já tomaram o gosto do ativismo social”, disse Yevgenia Chirikova.

O ponto fraco deste movimento social reside na sua extrema dispersão. Daí, a candidatura de Gennadi Zyuganov, apoiado pelos comunistas, surgir como a única força política organizada capaz de levar Putin a disputar uma segunda volta.