Última hora

Última hora

Índia: greve geral para exigir salário mínimo

Em leitura:

Índia: greve geral para exigir salário mínimo

Tamanho do texto Aa Aa

A Índia encontra-se paralisada por uma greve geral contra a política económica do governo de centro-esquerda.

Os sindicatos convocaram vários protestos ao longo do país para exigirem mais direitos laborais, entre os quais um salário mínimo nacional.

Em Calcutá, bancos, lojas e transportes públicos aderiram à paralisação.

“As greves não vão mudar nada e acabam por piorar a situação”, afirma um habitante.

“As pessoas têm o direito à greve porque os preços continuam a aumentar e é impossível sustentar uma família com salários entre 75 e 150 euros”.

O protesto ocorre num momento em que o governo, abalado por vários escândalos de corrupção, tarda em reduzir a inflação. As perspetivas de crescimento da economia foram revistas recentemente de 9% para 7%.

Os sindicatos exigem ainda a criação de um sistema de segurança social universal e o fim da privatização das empresas estatais.